Você é capaz de perdoar a si mesmo?

Você é capaz de perdoar a si mesmo?
Todos nós cometemos alguns erros de vez em quando, que acabam atrasando os nossos objetivos
pessoais e profissionais. Além dos descuidos em si, um segundo desafio pode tornar as coisas ainda
piores: não conseguir perdoar a si mesmo.
A culpa e a raiva que uma pessoa pode sentir de si mesma acabam sugando seu tempo e energia,
enfraquecem tanto o corpo quanto a mente, e dificultam a tarefa de reparar os erros cometidos.
Muitas vezes essa incapacidade de perdoar a si mesmo está ligada a não conseguirmos aceitar a nossa
vulnerabilidade – desejamos ser sempre fortes e ter as atitudes ideais, mas seres humanos são
criaturas falhas que estão em constante desenvolvimento, e aceitar essa condição é fundamental para
acelerar nossa evolução.
Imagine que você tenha magoado uma pessoa amada, por exemplo, e agora se culpa tanto por ter
feito ela sofrer, quanto por ter criado um afastamento entre vocês.
Essa emoção pode servir de combustível, uma fonte de energia para agir de forma a consertar o erro;
você toma atitudes corretas para evitar que a mesma situação se repita, pois não quer sentir-se
culpado por isso novamente.
Por outro lado, esse sentimento pode se transformar numa barreira, pois como você não consegue
perdoar a si mesmo, também não consegue pensar em alguma forma de reparar o que fez de errado,
e acaba agindo por impulso, piorando a situação, ou não tomando ação nenhuma e deixando que a
relação lentamente se enfraqueça ainda mais.
Perdoar seus próprios erros não significa fingir que nada aconteceu e ignorar os danos que eles
causaram a si mesmo e às outras pessoas; é aceitar que esses danos já foram causados, e você não
pode desfazer suas atitudes passadas, mas pode agir no presente para amenizar as consequências
delas, e ganhar consciência para que não se repitam.

START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH